governo ms

Temendo desgastes eleitorais com nova troca na Saúde, centrão trabalha para manter Queiroga no cargo

Por PH em 14/01/2022 às 11:53:00
Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante evento em SP em dezembro de 2021. Â- Foto: Reprodução

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante evento em SP em dezembro de 2021. Â- Foto: Reprodução

Ministros do governo Bolsonaro têm repetido à exaustão nos bastidores que os ataques do presidente às vacinas para crianças aceleram a deterioração da imagem dele junto à população.

Integrantes do centrão têm trabalhado para que Marcelo Queiroga não saia candidato durante as eleições de outubro e permaneça no governo do presidente Jair Bolsonaro (PL), para evitar um novo desgaste com mais uma troca no Ministério da Saúde em meio à pandemia do coronavírus.

A principal preocupação desses aliados, segundo um líder do centrão, é que Bolsonaro aproveite a saída de Queiroga para indicar um nome ainda mais ligado à sua base radical e a repercussão da indicação contamine ainda mais a imagem de Bolsonaro em meio ao processo eleitoral.

Aliados de Queiroga têm feito circular a versão de que ele tem dado sinais desde o fim de ano que pode não sair candidato "pois poderia parecer abandono em meio a pandemia".

Fonte: g1

Comunicar erro
banner assemleia

Comentários

vacin